Há momentos em nossa vida os quais jamais serão esquecidos até o fim de nossa existência. Ontem pela manhã, 28 de novembro de 2020, foi um desses. Por meio de uma extensa rede de companheirismo e mãos generosas unidas, conseguimos fazer a entrega de 60 cestas de alimentos acompanhadas de kits de higiene destinadas a duas comunidades ribeirinhas localizadas no santuário ecológico do Cânion do Rio Poty.



Nos dias atuais, um singelo ato de cidadania como este faz a diferença, e, associado a outros tantos que virão, sem dúvida, proporcionarão a sustentabilidade ecológica e social dos grupos sociais tradicionais supracitados, visto que, um rio não é apenas água, pertencem consigo animais, plantas, o homem que, dia a dia, labora o seu sustento, lado a lado, num total sincretismo de forma que um não sobrevive sem o outro. 

De tal maneira, cabe parabenizarmos as instituições parceiras cujo desprendimento transformou sonho em realidade. Apupos e palmas ao HOTEL IBIS de Teresina, empresa doadora das cestas, a ASSOCIAÇÃO REABILITAR, responsável pela distribuição das mesmas, além da PREFEITURA MUNICIPAL DE BURITI DOS MONTES/PI/BR, ao contribuir com a logística local, aliás, na ocasião, contamos com a presença do senhor prefeito Valmi Soares. 

As comunidades Bebedouro e Conceição dos Marreiros foram as beneficiadas, ambas encravadas no coração daquele santuário da natureza, Também, vale aqui reverenciar o nome de dois atores determinantes para o sucesso do evento, Anécy Sousa e Benjamin Pessoa Vale, ela gerente do Ibis Teresina e ele presidente da Associação Reabilitar, um dos mais renomados neurocirurgiões do Brasil. 



Ao todo, a rede ACOOR, empresa francesa que engloba diversas bandeiras da hotelaria, dentre os quais os hotéis IBIS, doou 248 cestas e kits de higiene, as restantes foram destinadas a famílias carentes da Vila Irmã Dulce, na periferia de Teresina, além dos catadores de resíduos da capital piauiense. 

Hoje somos mais que ontem, convictos num futuro de paz e harmonia entre entre homem e meio ambiente, por mais que bailemos por tortuosas vias, haveremos de superar, OXALÁ!! 

Rubens Luna 
29 de novembro de 2020



Poste seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Publicidade